Qual a média de preço de construção de moradias em Portugal?

preço de construção de moradias

Tendo já falado do preço de construção de moradias com estrutura metálica, hoje andei a investigar qual a média de preço de construção de moradias em alvenaria no nosso País, para ter todas as alternativas em cima da mesa.

Quais foram as conclusões que tirei?

Para saber a média de preço de construção de moradias é necessário ter noção de como são feitos os orçamentos dados pelas construtoras nacionais.

Numa primeira análise, os custos são estimados através da multiplicação da área total pelo valor do metro quadrado da área construída, incluindo a mão-de-obra e o material. No entanto, para além disso, para calcular a média de preço de construção de moradia há que ter em conta as características imaginadas da casa e outros factores, nomeadamente o padrão de acabamentos, a própria arquitectura da habitação e a localização. Sim, porque há vários tipos de materiais e revestimentos para os acabamentos, se falarmos numa casa de arquitectura básica o preço de construção de moradias será sempre mais baixo e uma casa num terreno acidentado ou numa localização mais requisitada, como Lisboa, também terá custos diferenciados.

Ao que parece, falando em números concretos, a média de preço de construção de moradias no nosso país situa-se entre os 500 e 1500 euros por metro quadrado. Segundo a Deco Proteste, o preço por m2 está nos 603€.

No meu caso, se optasse pela construção em alvenaria, optaria por uma casa de arquitectura moderna, com muito vidro e sem telhado. Sendo um total de área do terreno cerca de 300 m2 (não chega), estava a pensar em fazer uma moradia de três pisos: cave/garagem, rés-do-chão (onde irá ser a cozinha, sala, escritório e casa-de-banho de serviço) e primeiro andar (onde gostaria de construir 2 quartos, 1 suite + WC e outro WC). Gostaria de apostar em bons acabamentos, nomeadamente aquecimento central completo.

Tendo em conta o preço de construção de moradias em Portugal, calculo que poderia rondar os 200 mil euros, mas tenho esperança que consiga por 180 mil. Veremos.

Como construir uma estufa

construir uma estufa

Um dos meus sonhos é construir uma estufa no jardim, para poder dedicar-me à paixão que tenho pelas plantas e flores.

Por isso, ando já a pesquisar quais as possibilidades de construir uma estufa dentro do meu orçamento e de acordo com a dimensão do meu espaço exterior. Não quero nada muito pretensioso, apenas um cantinho para poder finalmente dedicar-me a um hobby que há muito tempo ando a protelar.

Reuni algumas dicas importante para a escolha do local para construir uma estufa:

  1. É necessário escolher uma área que esteja voltada para sul.
  2. Se não conseguir encontrar um local que receba luz solar durante todo o dia, é preferível optar por aquele que receba o sol matinal.
  3. É também importante que não hajam árvores e arbustos em redor que causem sombra.
  4. É preciso escolher um local que tenha acesso à electricidade.
  5. A área tem de ser bem drenada.

Relativamente à parte de construção, é possível construir uma estufa de raíz ou partir de um kit pré-fabricado.

Para mim acaba por ser melhor a primeira opção, porque nem com kits pré-fabricados me sinto à vontade para arriscar a construir uma estufa “a solo”. Prefiro contratar um profissional.

De qualquer forma, tenho de pensar na estrutura que quero, que pode ser de diferentes materiais, desde que seja firme. Metal, madeira, bambu ou PVC? Talvez PVC, mas ainda não decidi.

Depois, é preciso colocar uma cobertura, que pode ser de fibra de vidro, vidro (temperado) ou de plástico, nomeadamente polietileno UV estabilizado, para que a transmissão luminosa seja similar ao vidro, mas mais leve e menos cara. Penso que esta será a melhor opção, pelo que já estive a pesquisar sobre a sua manutenção, descobrindo que estes filmes plásticos devem ser substituídos de 2 em 2 anos (ou três) e ocasionalmente lavados.

Não podemos esquecer a instalação de termómetros e termóstatos para controlar a temperatura, que devem ser posicionados em diferentes níveis da estufa. Ainda relativamente à temperatura, é possível que seja necessário instalar também ventiladores e/ou aquecedores, daí a necessidade do acesso à electricidade.

Qual o preço de construção de moradias com estrutura metálica

Preço de construção de moradias

Vou construir uma casa. Tenho um terreno e quero construir uma casa à medida dos meus sonhos, de acordo com os meus gostos e necessidades. Por isso, ando a pesquisar as diferentes opções fornecidas por firmas de construção civil, entre as quais as moradias com estrutura metálica. Agora a questão é: qual o preço de construção de moradias deste tipo?

Para quem não conhece, este é um tipo de moradias construída com estrutura metálica, utilizando como matéria-prima o aço galvanizado. Este tipo de construção é já utilizada por diversas firmas de construção civil apresenta valores semelhantes aos do preço de construção de moradias com construção convencional mas com algumas vantagens:

  • Maior área interna: as paredes são mais finas, o que quer dizer que para a mesma planta os ganhos são de 12 cm de espaço útil interior por cada metro linear de parede exterior. Por exemplo, se uma moradia tiver 100m lineares de paredes exteriores em 2 pisos, isso representa um ganho de 12m2. Também se ganham alguns centímetros nas paredes interiores.
  • Mais materiais aplicados: o edifício conta com uma espessura três vezes superior de materiais de isolamento térmico e acústico, sem pontes térmicas e com menor risco de condensações.
  • Menos mão-de-obra: geralmente o peso da mão-de-obra no preço de construção de moradias pode alcançar os 50%. No caso deste tipo de edifício, o peso raramente excede o terço do valor final.
  • Poupança energética: sendo edifícios com excelentes níveis de isolamento térmico, uma moradia com estrutura em aço poderá alcançar uma classificação elevada no SCE (Sistema Nacional de Certificação Energética e da Qualidade do Ar Interior nos Edifícios), o que significa poupança energética.
  • Fácil manutenção. Dado que a durabilidade dos materiais estruturais é muito elevada, a manutenção é muito reduzida ou mesmo desnecessária. A redução do risco de condensações, por exemplo, elimina os danos provocados pela presença de fungos e bolores.

Existem algumas firmas de construção civil em Portugal que utilizam este sistema. Por isso, no que diz respeito à construção da minha casa, é uma opção. É uma questão de aprofundar mais a informação sobre este tipo de construção de edifícios com estrutura metálica e, claro, comparar com o preço de construção de moradias convencionais.

Foto: Futureng

Construir casas modulares: uma alternativa

construção de casas modulares

Para além de colocar a hipótese de optar por moradias com estrutura metálica, andei também a investigar a possibilidade de construir casas modulares, que na minha modesta perspectiva de leiga são as antigas casas pré-fabricadas mas modernizadas e tecnicamente mais sofisticadas. Porque achei interessante e porque é possível fazê-las também com estruturas metálicas, já comecei a solicitar orçamentos de construção civil grátis a diferentes empresas, para ter noção de preços. 

No caso das moradias com estrutura metálica, o processo mais comum é a montagem da estrutura peça por peça no próprio local. No entanto, também é possível utilizar este sistema noutros processos, nomeadamente na construção de casas modulares, o que só tem vantagens:

  • Maior qualidade e rigor;
  • Custos mais acessíveis e controlados;
  • Economia de tempo e rapidez na construção.

Por seu turno, durante a construção de casas modulares, o impacto ambiental é mais reduzido e os vizinhos são menos incomodados.

Há também algo que me faz pensar em investir na construção de casas modulares: o facto de ser muito fácil fazer ampliações futuras. Por enquanto, ainda estou a pedir orçamentos de construção civil grátis para uma casa relativamente pequena, porque o orçamento que tenho disponível não é, de todo, muito alargado. Mas espero que, no futuro, consiga ampliar.

Mas afinal como é que é realizada a construção de casas modulares?

O conceito consiste em montar tudo em ambiente fabril e depois transportar e montar no local determinado para construção.

No caso das moradias com estruturas metálicas, primeiro conectam-se os perfis ou vigas em fábrica para formar painéis, que por sua vez são interconectados e providos das instalações necessárias e revestidos, formando um módulo que constitui uma divisão da casa. Os módulos são depois transportados e montados no local.

No caso da construção de casas modulares, é possível erguer simultaneamente as paredes, pisos, tectos e coberturas, enquanto na construção tradicional cada uma destas fases só pode ser iniciada depois de concluída a anterior.

Posto isto, vou esperar por respostas e talvez pedir mais uns quantos orçamentos de construção civil grátis, para comparar preços e serviços oferecidos, avaliando atentamente a relação custo-benefício.

Foto: Decorando a Casa

© 2017 Quadradogaleria

Theme by Anders NorenUp ↑